...

Resta esta história que conto, você ainda está me ouvindo?

quinta-feira, 30 de julho de 2009




Nome próprio, esse filme me remeteu a varios pensamentos. Me fez escrever algumas coisas, e admirar um pouco mais (se isso ainda é possivel!) o cinema. principalmente o nosso cinema brasileiro. enquanto nao resolvo colocar o que andei criando, ficamos com as palavras da camila:


Hoje vou procurar a palavra que se perdeu, que escapuliu entre meus dedos, que escorreu por minhas mãos. Eu hoje vou conter nas letras esse fluxo que não para de me levar pra longe daqui. Eu hoje vou ficar aqui quieta, enquanto frases se formam, enquanto parágrafos inteiros se fixam na tela. Alguns fogem. E eu deixo que fujam porque sei que posso recuperá-los, melhores, adiante. Não me desespero mais. Encontrei o leito por onde escoar o meu excesso.
Camila Lopes.

Um comentário:

Retty disse...

Me força logo a ver esse filme, s'il te plaît?
tipo, ameaças decentes.

Depois de faço um pãodequeijo que não seja invadido por formigas.

;*